Cotidiano Esperança

O beco

beco1
Written by Zeneide

Instigante a postura do “eu lírico” no poema de Manuel Bandeira:

Que importa a paisagem, a Glória, a baía, a linha do horizonte?
— O que eu vejo é o beco.

Tanta coisa bela para ser admirada na cidade do Rio de Janeiro e sua visão se concentra no feio e sujo beco!  Prefere se restringir ao pequeno, ao insignificante, quando tem toda a linda amplidão para ser contemplada.

Refletindo nisso, concluo que não temos o foco assim tão diferente. Sob o aspecto físico, a natureza nos brinda com maravilhas fascinantes: praias, montanhas, fauna e flora variadíssimas – presentes do Criador – que alegram e encantam nosso viver. Se pensarmos na vida espiritual, também não conseguiremos enumerar todas as bênçãos que se derramam sobre nós diariamente. Mesmo que não sejamos ricos ou tão saudáveis como gostaríamos, temos acesso direto ao Pai que, como sabemos, é “o galardoador dos que o buscam.”

Entretanto, insistimos em nos fixar apenas no que é negativo, incômodo e feio, tanto em relação ao mundo físico quanto ao nosso relacionamento com Deus e com o próximo. Será que só vemos o beco, às vezes o beco do qual parece não haver saída?

Talvez precisássemos fazer uma pesquisa introspectiva profunda para descobrir a causa de tanto pessimismo e negatividade. Talvez seja necessária uma cura emocional que nos proporcione equilíbrio suficiente para direcionar melhor nossa visão.

“Elevo os meus olhos para os montes; de onde me vem o socorro? O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra” – escreveu o salmista.

Sim, é preciso erguer os olhos com esperança e determinação, pois “os céus proclamam a glória de Deus e o firmamento anuncia as obras das suas mãos.”

Deixemos o beco!!!

About the author

Zeneide

Meu nome é Zeneide Ribeiro de Santana, professora de Língua Portuguesa e Literatura. Já sou aposentada e aproveito meu tempo lendo bastante e tricotando um pouco.

6 Comments

  • Cheguei agora do medico ele me disse sua lesåo aumentou ,eu perguntei que vamosfazer
    Ele quim,ou fazer novos exames se aumentar a lesåo fazemos ,temos que fazer quimioterapia fiquei triste ,ele disse vai pra casa e pensa no que vc quer fazer
    Quando li a crōnica alegrou a minha alma ,eu estava olhando para o beco ,mas de onde vira o meu socorro .
    Obrigada cunhada ,continua escrevendo Deus abençoe.

    • Deus te abençoe. Continuarei orando por você. Nosso socorro só pode vir do Senhor mesmo. Vamos
      elevar nossos olhos e confiar. Grande beijo.

  • Querida cunhada Zeneide, muitos anos da minha vida busquei uma saida para um amargurado , escuro e sombrio beco, que era a minha vida. Graças a Deus e as suas orações que encontrei a luz , a alegria e a paz no Santo nome de Jesus.Hoje posso olhar para frente e dizer: beco nunca mais……..

    • Que alegria ler isso, cunhada! Sempre há uma saída ; é só buscá-la no lugar certo! Que nosso Deus a fortaleça cada dia mais para que você tenha muitas vitórias ainda. Beijo.

Leave a Comment