Cotidiano

Eu tenho um amigo que me ama

amigo

Por: Zeneide Ribeiro de Santana

 

Muitos conhecidos,

Muitos colegas,

Mas poucos amigos…

Amigo não precisa de definição,

Nem de adjetivos,

Pois é palavra autoexplicativa.

É aquela pessoa de quem nos lembramos sempre,

Mesmo que esteja a quilômetros de distância.

Nem precisamos vê-la com frequência

Para que ela esteja em nosso coração.

Amigo não é perfeito nem exige nossa perfeição.

Ao contrário, sabe como mostrar nosso defeito

E também aceitar nossas eventuais críticas.

 

Mas, amigo mesmo, especial, de fato e de verdade,

Em quem posso confiar de olhos fechados,

Que me ama de modo incondicional,

Apesar de minhas falhas,

Só há um: Jesus Cristo,

Que se doou por mim

E prometeu estar comigo sempre,

Até a consumação do século.

Sim, eu tenho um amigo que me ama,

– como diz a canção.

E, se você quiser, Ele pode ser seu amigo também!

About the author

Zeneide

Meu nome é Zeneide Ribeiro de Santana, professora de Língua Portuguesa e Literatura. Já sou aposentada e aproveito meu tempo lendo bastante e tricotando um pouco.

1 Comment

Leave a Comment