Cotidiano

Os benefícios de presenciar atos de bondade

bondade
Written by Zeneide

Presenciar um ato de bondade autêntica transmite um sentimento de paz e alegria que perdura. Alguns destes atos, ainda que pareçam insignificantes, podem ficar em nossa memória e serem inspiradores em momentos difíceis.

Quando somos testemunhas de um ato de bondade podemos estar assistindo ao que Abraham Maslow chamou de “experiências pico”, estes momentos de assombro, maravilha e um senso do que é correto que nos faz sentir imensamente gratos por estarmos vivos.

Fé renovada na natureza humana

Jonathan Haidt chama estas experiências de “euforia” e as descreve como uma sensação de calor no peito, uma sensação de expansão no coração, um maior desejo de ajudar e um aumento no senso de conexão com os demais.

Para Haidt, um ato de bondade que traz uma fé renovada na natureza humana oferece um raio de esperança em meio ao caos e aos conflitos da vida cotidiana.

O altruísmo nos torna mais humanos

O senso de conexão mencionado por Haidt é importante. O altruísmo transcende a separação que com

frequência experimentamos como seres humanos. Ele nos conecta uns com os outros.

De fato, só é possível o altruísmo puro porque, no nível mais profundo, todos os seres humanos são parte da mesma rede da consciência.

A pessoa que realiza um ato de bondade certamente será o destinatário de outro ato altruísta. E quando somos testemunhas deste ato também nos transformamos em parte da rede.

Ou seja, os atos de bondade têm efeitos positivos em três vias: o que faz, o que recebe e o que presencia.

“As almas belas são as únicas que sabem tudo o que há de grande na bondade.”
– François Fénelon –

A bondade é positiva para o sistema imunológico

Diversos estudos científicos demonstraram que o ato de bondade tem um efeito positivo no sistema imunológico e no aumento da produção de serotonina no cérebro.

A serotonina é um neurotransmissor natural que se ocupa da regulação do estado de ânimo e ajuda a controlar a ansiedade. A serotonina é considerada uma substância para se “sentir bem” porque serve como uma via para produzir prazer no cérebro.

Um dos resultados das pesquisas mais fascinantes dos últimos anos é que cada vez que um simples ato de bondade se estende de um ser humano para o outro, dá lugar a uma melhora significativa no funcionamento do sistema imunológico e aumenta a produção de serotonina tanto em quem oferece o ato como em quem o recebe.

O que foi mais surpreendente para os pesquisadores foi comprovar que as pessoas que observam o ato de bondade também experimentam um reforço similar no sistema imunológico e um aumento na produção de serotonina.

As pesquisas demonstraram que os que habitualmente se dedicam a atos de bondade experimentam um alívio da tensão, redução da dor crônica e inclusive melhoram seus problemas de insônia.

Christine Carter explica que as pessoas que trabalham como voluntárias tendem a experimentar menos dores e incômodos do que as outras.

Além disso, oferecer ajuda aos demais protege a saúde duas vezes mais do que a proteção oferecida pela aspirina contra as doenças do coração.

http://amenteemaravilhosa.com.br/

About the author

Zeneide

Meu nome é Zeneide Ribeiro de Santana, professora de Língua Portuguesa e Literatura. Já sou aposentada e aproveito meu tempo lendo bastante e tricotando um pouco.

Leave a Comment