Cotidiano

Entrando no Clima

natal
Written by Zeneide

 

Dezembro chegando, ano acabando, festas às portas. Recebi um lindo vídeo de um flash mob de música natalina: uma garotinha toca a campainha de uma casa à noite, depois vai se afastando e começa a cantar assim que uma mulher abre a porta. Aos poucos, pessoas vêm se aproximando e engrossando o coral acompanhado por diversos instrumentos musicais. Da mesma forma, o grupo dos ouvintes de todas as idades vai aumentando. O encanto e a magia da música vão tomando conta de toda a cena. A propósito, o título do post  é “Entrando no clima”.

Cada ano que passa esse clima de Natal chega mais cedo. Em novembro, já se vendem panetones e as vitrines começam a exibir enfeites natalinos. Propagandas invadem os meios de comunicação e comerciantes esfregam as mãos antevendo seus aguardados lucros. Luzes, músicas, decorações tradicionais ou inovadoras fazem parte do cenário…

Esse clima se caracteriza pela pressa, ansiedade, expectativas, correria, consumismo exacerbado… Mais uma vez, o Natal é confundido com presentes, necessidade de agradar, preparativos de festas e de guloseimas sem fim. Poucos  entram verdadeiramente no clima de Natal; para estes poucos, Jesus Cristo continua sendo o foco dessa celebração.

Na igreja que frequento, um grupo  está se preparando há um bom tempo para apresentar uma cantata neste Natal. O bom é que a formação desse conjunto partiu da iniciativa de jovens, mas nele foram se integrando adultos de várias idades, adolescentes e até crianças. Juntamente com a música, estão preparando uma parte teatral, com dramatizações e coreografia. Nos bastidores, intercessores estão orando pela liderança, pelos participantes e por todos os convidados que assistirão à cantata “Uma oração no Natal”

O que move esse grupo não é uma exibição de talentos e dons, mas sim o desejo de abençoar pessoas com a mensagem de salvação por meio de Jesus Cristo. Por isso, se organizaram para cantar num asilo, nos hospitais e em espaços públicos da cidade de São Caetano do Sul, além da apresentação no templo.

Estão há meses no clima de Natal. Estou certa de que, além de abençoadores, serão muito abençoados também.

E você, não quer entrar no clima do verdadeiro Natal?

 

 

About the author

Zeneide

Meu nome é Zeneide Ribeiro de Santana, professora de Língua Portuguesa e Literatura. Já sou aposentada e aproveito meu tempo lendo bastante e tricotando um pouco.

Leave a Comment